ESCLARECIMENTO SOBRE O PRÊMIO EDUCADOR NOTA 10 E O COVID-19 NO BRASIL

Projetos desenvolvidos por professores ou gestores, que estavam em curso em 2020 e foram interrompidos devido a paralisação das aulas, em função do COVID-19, poderão ser inscritos no Prêmio. Serão consideradas as aprendizagens alcançadas e comprovadas no desenvolvimento do projeto. De acordo com o Regulamento: “Poderão concorrer projetos desenvolvidos no ano letivo de 2019 ou que estejam em curso em 2020 e que tenham documentação de comprovação das aprendizagens alcançadas.”

As inscrições estarão abertas entre os dias 01 de abril e 24 de maio de 2020. Podem se inscrever professores e também gestores escolares (orientador educacional, orientador pedagógico, coordenador pedagógico e diretor), com mais de 18 anos, que tenham concluído a graduação em Pedagogia ou na modalidade licenciatura; que tenham desenvolvido o projeto como professor, titular ou substituto, devidamente autorizado pelo órgão competente; ou que tenham ministrado aulas de componentes curriculares, nas ações e projetos curriculares da instituição escolar, ou atuado no atendimento educacional especializado (AEE) na rede pública e/ou privada, em escolas comunitárias ou filantrópicas de acesso público, podendo ser urbanas ou rurais. O texto completo do Regulamento está disponível no site www.premioeducadornota10.org.